04 novembro 2011

Propensão e Deficiência

A propensão é esporádica; a deficiência, permanente.

Não nos iludamos com as propensões e as deficiências. As mais leves e inofensivas também devem ser combatidas, pois elas afetam a vida psíquica. Observe a história do camponês que, descobrindo dois filhotes de tigre, levou-os para a sua casa no intuito de domesticá-los. Certo dia, faltando comida aos dois filhotes, estes, para se alimentarem, acabaram atacando e matando o seu próprio dono.

Poder-se-ia perguntar: Quais são as deficiências generalizadas no ser humano? Resposta: Falta de vontade, impulsividade, obstinação, vaidade, falsa modéstia, falsa humildade, indolência, irritabilidade, impaciência, desordem, cobiça, rancor, rigidez, petulância etc.

Observemos a suscetibilidade, que é sinônimo de melindre. A pessoa suscetível (melindrosa) ofende-se por qualquer motivo (e mesmo sem motivo algum). Busca sempre pretextos para defender o seu ponto de vista, sem se importar com os que estão à sua volta. O antídoto é a equanimidade, que serve para refrear essa debilidade. O indivíduo melindroso pode se exercitar, também, na disciplina e na inalterabilidade.

Ensinamento: uma deficiência tanto mais se debilita quanto menos se lhe dá ocasião de manifestar-se.

Nenhum comentário: